Blog
  • Blog
  • 4 dicas para parar de gastar mais do que ganha

4 dicas para parar de gastar mais do que ganha

4 dicas para parar de gastar mais do que ganha

O hábito de gastar mais do que ganha é muito comum entre pessoas das mais diferentes profissões. Quem nunca falou, ou ouviu alguém dizer, que “sobra mês para o meu salário”? Ou então que o importante é ser feliz e, como a vida é uma só, não faz sentido guardar dinheiro.

Se você se identificou com alguma dessas frases, está na hora de parar para refletir sobre as suas finanças. Isso porque cuidar do seu futuro é fundamental para ter saúde financeira (e mental), além de proporcionar noites bem dormidas. E a mudança de atitude em prol do enriquecimento só ocorrerá se você tomar consciência de que gastar mais do que ganha está sendo prejudicial.

Para ajudar, vamos dar 4 dicas de como economizar para você gastar menos do que ganha. Veja!

1. Priorize o pagamento das dívidas

O primeiro passo para conseguir juntar dinheiro é se livrar das dívidas. Portanto, se esse é o seu caso, priorize o pagamento dos seus débitos. Por vezes, os bancos e financeiras concedem ótimos descontos para quitações de uma só vez e estão sempre disponíveis para negociar o valor em atraso. Além disso, existem maneiras de trocar uma dívida cara por outra mais barata buscando financiamento em instituições como as cooperativas de crédito ou mesmo dispondo de um bem para dar como garantia ao financiamento.

2. Prefira pagar à vista

A melhor maneira de não gastar o que você não tem é optar pelo pagamento à vista. Então, se você não pode pagar tudo de uma vez, não compre. Espere alguns meses, poupe a quantia necessária para só depois adquirir seu novo celular ou aquele acessório para o seu carro.

Quem espera e economiza terá sempre os juros trabalhando para si e verá seu dinheiro render. Já os que caem no erro de comprar parcelado, sempre arcam com juros que fazem a dívida aumentar a cada dia que passa.

Seja um parceiro

3. Comece a poupar

Poupar não é algo que você deve deixar para o fim do mês, pois se você gasta mais do que ganha é porque não tem disciplina. Então, nosso conselho é fazer algum investimento financeiro programado para o dia que o seu salário cai na conta. Ou seja, pague-se primeiro.

Defina um valor que não prejudicará seu orçamento mensal e separe esse dinheiro antes de gastá-lo com outras despesas. Para quem não está inadimplente, um bom parâmetro de poupança é 15% da renda. Já quem tem dívidas, como falamos, deve priorizar a eliminação desse saldo para então começar a economizar.

4. Anote todos os gastos

Categorize os seus gastos e sempre faça comparações com o mês que passou. Seus custos fixos serão sempre os mesmos, como o valor do aluguel. Contudo, os variáveis, como alimentação e gasolina oscilam de um período para outro. Ao analisar os últimos meses, você será capaz de estabelecer uma média da quantia gasta em determinada categoria. Assim, poderá criar o seu orçamento pessoal.

Se você gastar mais do que ganha, no longo prazo, comprometerá gravemente sua independência financeira e poderá contrair dívidas. Como consequência, corre-se o risco de precisar estar sempre em atividade para não perder o padrão de vida na hora de se aposentar.

Agora que você já entendeu a importância de administrar de forma inteligente as suas finanças, continue sua leitura e veja outro artigo com 8 dicas para controlar o orçamento e fazer seu dinheiro render.

Guia prático para garantir um futuro mais tranquilo

Deixe um comentário

Um conjunto de ferramentas para ajudá-lo a enriquecer com saúde

Feito por médicos para médicos